Connect with us

Published

on

Olá amigos! Vai ser muito bom fazer essa análise pois é um jogo muito especial para o pessoal da época dos arcades, infelizmente eu não cheguei a tempo de desfrutar dessa época mas com base do jogo no emulador da pra ter uma ideia de difículdade que me fez usar 37 continues pra zerar o jogo, só de ver isso ai eu imagino a difículdade do pessoal pra zerar esse jogo numa máquina usando somente 5 fichas e pior! Pra galera que não tem cordenação motora pra Run’n Gun nem joga porque isso aqui é terrível pra você.

Mas enfim olá para você que está lendo esta análise, vamos analisar esse jogo bom pra caramba.

É incrível ver que a SNK quis inovar criando um jogo run’n gun, algo que na época só a konami se arriscou a fazer criando o jogo Contra, mas o que a SNK não esperava é que o jogo fosse um sucesso internacional mas eu não teria tanta supresa sobre isso já que na época não tínhamos muitos jogos desse gênero e também não tinhamos nada de novo neles além dos personagens mas ai veio a SNK trazendo um run’n gun com gráficos cartoonisados e uma jogabilidade leve e desafiadora com personagens carismáticos
Mostrando o porque desse sucesso mais que merecido.

Mas Metal Slug tem seus segredos… Como a semelhança do vilão General Donald Morden a ditadores como Adolf Hitler,Saddam Hussein e Joseph Stalin e sabemos que ele foi descrito como canadense para ironizar o pais considerado pacato, O jogo contém algumas piadas mais pesadas que só os mais espertos vão perceber, outro fato interessante é que temos inimigos atrapalhados outros são medrosos e alguns até loucos e essa personalidade de cada inimigo é interessante pra dar mais profundidade no jogo e não deixá-los como um inimigo aleatório.

Algo bacana também é a fisica do jogo onde tudo pode ser destruido e isso da uma forte vontade de sair tacando granada em tudo, sem contar no trabalho que fizeram pra fazer os sprites do cenário se destruindo e cara… Isso é fantástico mas agora vamos pro próximo topico.

Relaxa na sua cadeira ai pois essa história é até complexa pra um jogo de arcade, então se acalmen e vamos lá:

O jogo é situado no ano de 2028 e tem como foco os soldados altamente treinados Marco Rossi e Tarma Roving do grupo conhecido como Peregrine Falcon Strike. Eles lutam, principalmente, contra as forças do General Donald Morden, vilão que pretende dominar o mundo com o seu grandioso exército e suas máquinas de guerra.

O grupo de resistência possuia em mãos um protótipo de um novo e poderoso tanque de combate apelidado de Metal Slug (Lesma Metálica, em tradução livre), que era extremamente lento mas acessível a qualquer tipo de terreno. Infelizmente, essa protótipo foi roubado pelo ditador, que agora o utiliza em seus ataques mais recentes e devastadores.

Depois disso em uma medida imediata o soldado Marco Rossi e Tarma Roving são convocados para eliminar o General Donald Morden e destruir todos os Metal Slug, assim iniciando a jornada do game.

fonte sobre a história terra.com.br

Bom é claro notar que a lore do game é digna de filme, os desenvolvedores se esforçaram para oferecer um bom universo no jogo, nada de exagerado mas também não é simples e rasa como outros Run’n Gun já feitos.

A gameplay do jogo é bem leve e sem controles complicados e ótimo para veteranos em jogar com joystick, no jogo temos as seguintes armas:

-Murder .50AE
-Murder Model-1915 .38 Mk.1Am
-AR-10
-M-3685

E as armas secundárias são:

-HV-01 Heavy Machine Gun
-RK-02 Light Anti-Armor Rocket Launcher
-FS-03 Flame Shot
-SG-04 Shotgun
-LS-05 Laser Gun
-EC-06 Enemy Chaser
-SPG-07 Super Grenade
-IL-08 Iron Lizard
-DS-09 Drop Shot
-2HV-10 Two Machine Gun
-ZT-11 Master Zantetsu Sword
-TS-12 Thunder Shot

A variação de armas no jogo é muito boa e o loot nas também, ao longo das fases podemos encontrar o Metal Slug para nos ajudar a passar na fase, e se você tiver precisando de um up em vidas não esqueça de libertar os clássicos mendigos para receber armas novas e até vidas além de que algums soltam um Raduken fazendo uma clara referência ao Ryu do Street Fight!

É incrível o nivel de arte dos cenário do jogo, uma riqueza em detalhes que eu trás um efeito 2.5D impressionante e como eu disse anteriormente, os sprites do cenário destruindo foram muito bem trabalhados para promover uma imersão de destruição bem realista e isso tudo é devido as físicas do jogo que foram muito bem aplicadas para cada estrutura do cenário.
A trilha sonora do game trás um tema de segunda guerra mundial e militar clássico de jogo de tiro.

Os efeitos de tiro e explosão são muito bem animados e coloridos de acordo com o ambiente.

No jogo temos os protagonistas:

-Marco Rossi

-Tarma Roving

E o vilão do game:

-General Donald Morden

créditos-Amino metal slug

E os inimigos do game:

-Soldados

e uma variação de soldado que merece destaque:

-Soldado Lança Mísseis

E claro, os “mendigos”:

-Soldado prisioneiro

É incrível como cada personagem de metal slug tem sua própria personalidade que é bem demonstrada nos jogos, esse ponto é realmente impecável.

HISTÓRIA (10/10)
LEVEL DESIGNER (9,7/10)
PERSONAGENS (8,9/10)
GAMEPLAY (8,4/10)

Obrigado por ler, até a próxima!

Site parceiro: ENTRAR

Twitter: SEGUIR

Facebook:SEGUIR

Análise

ANÁLISE de Huntdown

Huntdown é um jogo indie que apostou na proposta de um game estilo retrô de plataforma dos anos 90 com um incrível vizual cyberpunk então esse jogo merece muito uma análise

Published

on

Olá amigos! Hoje vamos analisar Huntdown, um jogo que traz artes lindas e muito bem feitas ao estilo cyberpunk dos anos 90, os sprites são lindos e detalhados com o estilo de jogos do snes como metroidvania e suas artes no estilo pixel art que é de encher os olhos.

O jogo tem uma incrível variação de inimigos a cada fase, os chefes são muito bem desenhados para combinar com cada fase, é realmente incrível o cuidado que eles tiveram na criação das fases para que os inimigos combinem com os ambientes.

O jogo é um verdadeiro sucesso e conquistou varias notas altas em avaliações dos críticos, o jogo se destacou bastante por sua proposta de tema e arte retro que é um estilo bem conhecido nos jogos indies.

Os personagens são muito bem feitos e estilizados, é possível perceber que eles são inspirados em personagens de séries dos anos 90 como o Jaspion, Mow Man, Anna Conda e John Sawyer são os personagens principais do jogo, cada um tem sua história pessoal contada no game, no início você pode escolher um dos três para iniciar então escolha com sabedoria.

O ciclo de gameplay se resume em passar as fases e eliminar os chefes no final da fase, não é uma tarefa repetitiva e muito menos fácil, mesmo estando no modo Facil você tem uma certa dificuldade em alguns chefes então não jogue achando que vai zerar de primeira.

O jogo é realmente incrível pessoal, recomendo bastante pra você que quer jogar algo novo, o jogo ta muito bonito e o melhor! ele é multiplataforma então você pode jogar de qualquer lugar.


NOTA FINAL

GAMEPLAY (10/10)

LEVEL DESIGNER (9,8/10)

HISTÓRIA (9,9/10)


Gostou do meu trabalho? Entre em contato!

Email- [email protected]

Me siga no twitter!

SEGUIR

Obrigado por ler, até a próxima!

Continue Reading

Análise

ANÁLISE de Slender The Arrival – Analise Especial Halloween

O Halloween chegou! e para entrar no clima é claro que ia ter que rolar uma análise de jogo de terror

Published

on

Olá amigos! Sejam bem vindos a uma análise assustadora sobre a continuação de Slender the eight pages e pra começar de um jeito arrepiante percebam que a palavra HALLOWEEN está escrito de forma errada na capa da análise, enfim foi um erro sem querer… Ou será que foi proposital?😡… Hahaha, ja enrolei demais né? Entrem nos seus caixões e se escondam no sol! Vamo pra análise!

Bom pessoal vou mandar a geral, esse jogo é muito mais assustador que o primeiro! Pela primeira vez temos uma história que dê contexto pra estarmos numa floresta, e o melhor é que temos muito mais objetivos e fases nesse jogo, não ficamos limitados a uma floresta pois temos vários ambientes para que a história ande.

A base da história se forma quando Kate (supostamente a menina das oito paginas de Slender The Eight Pages) vende sua casa em Oakside Park, e sua amiga de infância Lauren recebe varias carta de sua amiga Kate e dai ela decide fazer uma visita para ela, a chegar lá a estrada está bloqueada por uma árvore caida mas ela decide ir a pé levando apenas sua lanterna e camera e a partir dai os acontecimentos do jogo começam.

O jogo traz muitos momentos tensos em que você não consegue prever o que vai acontecer, posso afirmar com toda certeza que os momentos de terror chega num nivel de Outlast mas claro que varia de pessoa pra pessoa, eu gostei bastante da ideia de o Slender não ser o único perigo no jogo já que temos outro perigo como a Kate bolada

Os ambientes estão ótimos e muito bem projetado para manter a tensão e o terror pisicologico, a iluminação do jogo é muito bem aplicada para que em certas situações você consiga progredir mesmo com a lanterna desligada.

Temos também as cartas que mostram detalhes da história e algums puzzles bem curtos para resolvermos, eu gostaria que tivesse puzzles mais complexo pra gameplay ser mais proveitosa, o jogo é até que curto em comparação a outros jogos de terror e isso eu realmente achei um pouco ruim mas acredito que se fosse mais longo o jogo ficaria parado pela falta de puzzles.

Outra parte negativa para mim foi a reação do Slender ao nos capturar, eu achei muito fraco pois não tem um susto tão impactante como eu esperava mas não se preocupem pois isso não vai incomodar em nada pois acredito que é só frescura do redator dessa análise

NOTA FINAL


GAMEPLAY (9,8/10)

LEVEL DESIGNER (9,9/10)

HISTÓRIA (9,5/10)


Gostou do meu trabalho? Entre em contato!

Email para contato- [email protected]

Me siga no twitter!SEGUIR

Obrigado por ler! Até a próxima!

Continue Reading
Advertisement

FAN GAMES do CANAL

RK Play Joga

Facebook

Advertisement

Trending